domingo, 9 de fevereiro de 2014

32 + Divulgação

| |
Nick Narrando ON:.

Delta fez o maior barraco quando me viu com a Selly. Ela é ciumenta, mas nunca tinha reagido assim antes. Eu já havia falado da Selly diversas vezes para ela, ela sabia que era minha amiga e mesmo assim fez todo aquele escândalo. Na hora meu sangue ferveu quando ela empurrou a Selly daquele jeito no chão, tudo que me veio à cabeça foi mandar ela embora e resolver tudo mais tarde.


Eu não sabia o que falar para a Selly, até acho que de certa forma fui meio grosso com ela, mas ela parecia nunca se importar com as minhas besteiras. Foi capaz de me perdoar até depois daquele dia que eu fui a casa dela bêbado e quase a forcei, nem eu me perdôo até hoje, mas ela me perdoou.
Depois que deixei a Selly em casa fui até a casa da Delta. Ela quase não me deixa entrar, mas depois de insistir consegui falar com ela.


–– Agora você vem, não é? – ela batia o pé. – Eu devia te mandar embora. – ela ironizou.


–– Delta você estáva alterada naquela hora, não tinha a mínima condição de uma conversa. – permaneci em pé enquanto ela se jogou no sofá do quarto dela. – Você sabe muito bem que entre eu e a Selly só existe amizade, não precisava ter tratado ela daquele jeito.


–– Eu não sei disso não Nick. – ela me olhou. – Eu vi o jeito que vocês estávam se olhando. Tem certeza que só tem amizade?


–– Claro! – eu disse aparentemente convicto, mas eu não tenho certeza disso. Às vezes quando eu estou com a Selenaeu tenho vontade de beijá-la, não beijá-la no rosto, mas nos lábios. Ela é muito bonita, legal, me escuta, talvez por isso às vezes eu sinta isso. – Você sabe que eu gosto de você. – por que dessa vez eu não disse que amo?


–– Certo Nick. – ela veio até mim e me beijou. – Eu te perdôo, mas com uma condição.


–– Qual?


–– Que por essa semana você seja só meu. Nada de Selena, só eu e você. – conhecendo Delta isso implicava em um começo de nunca ver mais a Selly, mas eu cumpriria por essa semana, pelo o meu amor, Delta.


–– Tudo bem. Só eu e você.


Ela começou a me beijar, eu gostava de beijar a Delta, sem falar que ela na cama era muito boa. E nossa reconciliação aparentemente vai para esse caminho, a cama.


(...)

Durante toda a semana eu nem se quer falei com a Selly, eu tinha vontade ligar, mas eu havia prometido para a Delta. Ela bem que podia ligar para mim também, mas o celular não tocou nem uma vez, isso meio que me deixou frustrado. Ela não sentia minha falta?


Todos as tarde eu passava com a Delta e a noite nos saímos para alguma festá. Às vezes eu achava o assunto da Delta meio chato, mas eu fingia que estáva interessado e a escutando enquanto eu pensava em outra coisa, eu pensava nela. A imagem dela dormindo na cama segurando um livro me vinha à cabeça e eu tinha vontade de ligar pra ela de ir vê-la. Às vezes quando eu fazia sexo com a Delta eu imaginava a Selly no lugar da Delta. Eu queria me matar por isso, que amigo eu sou que fico pensando nela ali naquele lugar? Com que cara eu ia olhar pra ela?


Isso tudo começou depois que eu parei de falar com ela, seria algum tipo magia negra que não a fazia sair da minha cabeça? Eu estáva pirando, literalmente ficando louco. Eu precisava tirar essa confusão da minha cabeça.


–– Nick? – Delta balançou a mão na minha frente. – Ta me escutando?


–– To sim. – eu menti descaradamente. – É verde.

–– To vendo como está escutando. – ela ironizou. – Eu vou para a minha casa, minha tia chegou de viajem, vou ter que receber ela.


–– Ah ta. Tudo bem. – parece que eu só sei falar isso. – Depois me liga.


–– Eu ligo. – ela me deu um beijo e saiu do meu quarto.


(...)



Credito Danny

Divulgação Especial Aki, Perfeito o Blog Gattonas.

Sem Comentarios, Sem Fic ;)

3 comentários:

  1. Momento Conhecer Nick. Está a apaixonado o garoto.
    Obrigada por divulgar mas lê e comente também

    ResponderExcluir